Mãe de gêmeos! E agora, como lidar?

Ser mamãe em dobro, de uma vez só, não é tarefa simples! Se por um lado é um fenômeno incrível, por outro é um grande desafio, não é, mamãe? Ele pode ser melhor enfrentado com uma boa preparação da família e, em especial, da mãe.

Você verá que todo mundo pode até confundi-los, mas a mãe já aprende a distinguir desde cedo quando reconhece as necessidades particulares de cada bebê!

E a amamentação?

Sutiã para amamentação com bojo e renda Sutiã para amamentação com bojo e renda

Há séculos se sabe que é possível uma mãe amamentar plenamente dois ou mais bebês, pois as mamas são capazes de responder à demanda. Ou seja, se tem dois bebês sugando o peito da mãe, é provável que ela irá produzir leite suficiente para cada um deles.

E vai além disso: a dica é sempre amamentar os dois juntos! Por que? Isso economiza tempo e permite satisfazer as demandas dos bebês imediatamente. Qual é o benefício de se fazer assim? Há evidências de que a mulher produz mais leite quando amamenta dois bebês juntos!  Além disso, fazendo dessa forma, a mãe terá tempo para o tão importante descanso enquanto os dois dormem depois de mamar.

Mas nós sabemos que algumas mães (ou bebês) só se sentem prontas para isso algumas semanas depois do parto, após conseguir lidar melhor com o posicionamento e técnica. Leia mais sobre posicionamento e técnica clicando aqui!

calcinha_gestante Calcinha especial para gestantes

Lembre-se que, se você ainda é gestante, a tal “preparação física” das mamas (estimulação de qualquer tipo dos mamilos) não é mais recomendada em qualquer gestação. E deve ser especialmente desaconselhada em gestações múltiplas pelo risco de parto prematuro.


Quer receber conteúdos como esse? Faça parte de nossa Lista VIP

* campos obrigatórios


 

Qual seu período de gestação?


Dicas para a amamentação:

As mamães de gêmeos costumam usar uma das seguintes variações para amamentar os seus bebês:

1- Se um bebê começou a mamar na mama direita em uma mamada, na próxima ele deverá iniciá-la na mama esquerda, independentemente se antes os bebês mamarem em uma só mama ou nas duas. O que você pode fazer é oferecer o peito mais cheio ao primeiro bebê que mostrar interesse em mamar. Essa alternância de bebês e mamas em cada mamada é muito utilizada nas primeiras semanas após o parto, especialmente se um dos bebês tiver sucção menos eficiente ou quando um ou mais bebês querem mamar nas duas mamas.

manual completo amamentação eficaz grátis

  • Alternância de bebês e mamas a cada 24 horas. Nesse caso, um bebê inicia todas as mamadas do dia em uma determinada mama e, no dia seguinte, inicia as mamadas na outra mama. Muitas mães gostam desse método por acharem mais fácil lembrar quem
    mamou, onde e quando. Você também pode utilizar o sutiã para amamentação "memória", eles vêm com um detalhe na frente onde você pode marcar qual foi o último seio que deu de mamar no próprio sutiã. Veja abaixo:
Sutiã Amamentação Memória
  • Escolha de uma mama específica para cada bebê. Nesse caso, cada mama se adapta às necessidades de cada bebê. Mas poderá haver diferença no tamanho das mamas, diminuição da produção leite se uma das crianças não sugar eficientemente e também recusa dos bebês em mamar na mama do “outro” em caso de necessidade. Se a mãe opta por essa modalidade, é recomendado que ela alterne posições de vez em quando, para que a criança ao mamar receba os mesmos estímulos se ela mamasse nas duas mamas.

Ajuda

Sutiã de amamentação Sutiã para amamentação

Enfim, o maior obstáculo para mamães de bebês múltiplos é a indisponibilidade da mulher. Por isso, é fundamental que as mães de parto múltiplo tenham suporte extra, principalmente após o nascimento dos bebês. Ter alguém para ajudar nas tarefas de casa antes e após o nascimento. Não é um luxo, é uma necessidade!

guia e-book grátis gravidez saudável feliz

Fonte: Ministério da Saúde