LIGUE AGORA!
(22) 99750 2594
Carrinho0Item(s)

Seu carrinho está vazio :(

Product was successfully added to your shopping cart.

Viajar e Amamentar: Confira Algumas Dicas Para Ir Com Conforto

Viajar e amamentar requer cuidados e organização para não ser estressante
Viajar e amamentar requer alguns cuidados
Foto: Annca

Se você é mãe de recém-nascido e está preocupada em viajar neste período, fique tranquila. Viajar e amamentar é cansativo, mas com algumas adaptações e cuidados você vai ver que é mais tranquilo do que se imagina. Entretanto, é recomendável uma consulta ao pediatra antes. 

Para começar, uma boa notícia: se for de avião, saiba que a amamentação ajuda a prevenir a dor no ouvido do bebê. Essa dor é comum devido a mudança brusca na pressão, tanto na subida, quando na descida. 

Se for de carro, fique atenta ao trajeto. Caso tenha mais de 300 quilômetros, o ideal é parar para descansar. Além dessas, confira o restante do artigo, a seguir, com mais dicas, como as roupas adequadas para se usar. 

QUAL A MELHOR ROUPA PARA VIAJAR E AMAMENTAR? 

Independente do meio de transporte, para viajar, opte por roupas mais confortáveis. O sutiã de amamentação não pode faltar. Uma outra opção são as camisetas especiais, que já vêm com alças flexíveis para retirar. 

Se sua opção for apenas pelo sutiã de amamentação, dê preferência às camisetas mais abertas. As partes debaixo também merecem uma atenção enquanto ao conforto. Muitas mães preferem legins, mas uma calça jeans de strass também é uma ótima escolha. Não esqueça também de ter peças apropriadas na mala de viagem

AO DECOLAR E ATERRISSAR 

Deglutição é o movimento de engolir, sendo nome definido quando os bebês estão sendo amamentados. Durante as viagens de avião, a deglutição impede um incômodo maior na aterrissagem ou na decolagem. Com isto, os bebês poderão não sentir a pressão nos ouvidos. Amamentar, neste caso, é mais que recomendável. 

VIAJAR E AMAMENTAR EM LONGAS DISTÂNCIAS DE CARRO

Clker-Free-Vector-Images

Viajar de carro com o bebê é muito cansativo, mas, para amenizar, é importante parar para descansar, caso o trajeto seja de mais de 300 quilômetros. No entanto, pais que optam por este meio de transporte devem ter mais paciência, pois será inevitável que o bebê fique agitado. 

Mas, ATENÇÃO: não retire o bebê da cadeirinha para amamentá-lo com o carro em movimento. Estradas são perigosas e os riscos para acidentes com bebês soltos podem ser fatais. Sendo assim, aguarde para amamentar o bebê em um local seguro, como postos de gasolina ou lanchonetes (jamais pare no acostamento da estrada para fazer isto!).

ÍTENS QUE NÃO PODEM FALTAR

Não economize nas roupas do bebê. Quem é mãe sabe a facilidade que o bebê tem de sujar roupas. Além destes, confira, a seguir, outros ítens indispensáveis e tenha uma boa viagem: 

Bombinha para extrar o leite; 

Fraldas; 

Documentos seus e do bebê, incluindo o cartão de vacina dele;

Roupinhas, toalha e materiais de higiene dentro da bolsa de mão; 

Brinquedinhos para entreter; 

Remédios receitados pelo médico; 

Materiais de primeiros socorros; 

Roupas de amamentação para a mãe.

Deixe uma resposta